Exercício Aeróbico não emagrece! Veja o por quê! ~ Fanáticos Por Musculação

terça-feira, 24 de junho de 2014

Exercício Aeróbico não emagrece! Veja o por quê!

Você já começou a correr para perder peso mas sentiu depois de um tempo que não estava emagrecendo? 
A coach e especialista em corridas Laura Peifer afirma que esta é uma situação muito comum. Isso porque, segundo ela, há um erro comum em achar que quanto mais se corre, mais se queima gordura e se perde peso
 –o que não é verdade para a maioria das mulheres. 

Peifer listou para o site "Mind Body Green" sete razões que podem estar impedindo você de perder peso apesar da atividade.


1. Correr a mesma distância e no mesmo ritmo pode estancar a perda de peso
Nossos corpos preferem a variedade tanto para perder peso quanto para mantê-lo. O melhor é alternar períodos de maior e menor velocidade e intensidade (o que também vai variar sua frequência cardíaca).

2. Treinos de força são importantes. Não dispense!
As atividades aeróbicas são essenciais para perder peso, mas treinos de força, como musculação, são cruciais para acelerar o metabolismo, tonificar os músculos e prevenir lesões durante a corrida (embora as capas de revista de corrida façam você acreditar, a atividade por si só não produz aquele corpo de músculos bem definidos).

3. Muito estresse físico libera hormônios que levam ao armazenamento de gordura
Nosso corpo não sabe a diferença de quando você está correndo para se divertir ou para fugir de um pitbull, por exemplo. Aumentar demais a intensidade do treino eleva o nível de cortisol, hormônio que pode provocar um armazenamento de gordura, principalmente na região da barriga.

4. Um dieta rica em açúcar e carboidratos processados não ajudam em nada na perda de peso
Todo mundo sabe, mas não custa lembrar. Muitos corredores acham que, devido ao gasto calórico das corridas, estão liberados para comer massas e doces. Afinal, temos que ter alguma compensação depois de tanto esforço, certo? Mas carboidratos simples (como pães e massas feitos com farinha branca) são convertidos em açúcar e armazenados sob forma de gordura.

5. Falta de sono prejudica a perda de peso
Deixar de dormir ou dormir pouco afeta a produção de hormônios que ajudam a regular nosso apetite. O corpo exausto também nos leva a desejar alimentos que liberem energia mais rapidamente, como carboidratos e doces.

6. Menos carboidratos na dieta, mais queima de gordura
De novo, uma dieta rica em carboidratos dificulta a perda de peso. Isso faz com que acostumemos nosso corpo a queimar açúcar durante o treino (a primeira reserva consumida pelo corpo) e nunca chegue ao nosso objetivo que é a queima da gordura acumulada.

7. Intolerância a alimentos não diagnosticadas tornam a perda de peso mais difícil
Muitas vezes, nós consumimos sem saber alimentos aos quais temos intolerância e isso pode causar inflamações e dificuldade de absorção de nutrientes, fazendo com que o corpo peça mais comida. Se você adora correr, isso não é motivo para parar. No entanto, é importante equilibrar treino e alimentação e estar atento aos avisos que o corpo dá para determinar a melhor maneira de treinar.




http://revistamarieclaire.globo.com/Beleza/noticia/2014/06/sete-razoes-que-podem-estar-impedindo-voce-de-perder-peso-mesmo-correndo.html
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

OBRIGADO Por seu comentário!